Faça regularmente o check-up do seu pet e mantenha sempre em dia de acordo com a indicação do seu médico-veterinário.

Um dos principais cuidados que devemos ter para com os nossos pets é manter os check-ups sempre em dia. Essa regularidade ajuda a prevenir enfermidades e em alguns casos o veterinário pode perceber mudanças e alterações que indiquem o surgimento de alguma doença, rapidamente inicia-se o tratamento apresentando maior eficácia, solucionando o problema e restabelecendo a saúde do pet.

O check-up é de suma importância e o aumento a sua procura é visto como um grande avanço, mostra que os tutores têm tido maior responsabilidade e afetividade para com seus pets. O check-up é um acompanhamento periódico preventivo que ajuda a manter a saúde, o bem estar e a longevidade do seu peludo, por isso é ideal mantê-lo em dia.

Quando levar meu pet para fazer check-up?

Não há uma data certa para iniciar o check-up, caso você nunca tenha levado o seu pet a uma consulta a hora de iniciar é agora.

Mas meu pet não apresenta nenhum sintoma de doença, vou levá-lo a uma consulta para quê?

É exatamente por isso que o check-up é indicado, é um acompanhamento preventivo que vai averiguar a saúde do pet como um todo, inclusive a caderneta de vacinação. Depois da primeira consulta o veterinário irá informá-lo a respeito da periodicidade com que deve ser mantido o check-up baseando-se na saúde e idade do animal.

Checklist: tenho mantido a saúde e bem estar do meu pet corretamente?

Esse checklist tem o propósito de autoverificação para que você como tutor avalie seus cuidados e também será usado pelo médico-veterinário na hora do anamnese na consulta check-up.

  • Vacinas estão em dia? Verifique a caderneta, apresente-a ao veterinário.
  • Banhos e escovação de dentes têm sido regulares?
  • Ele está vermifugado?
  • Mantenho a alimentação dele saudável de acordo com a indicação do médico-veterinário?
  • Levo ele para passear ou estímulo brincadeiras mesmo que dentro de casa para mantê-lo em forma e gastar energia?
  • O ambiente onde ele vive está sempre limpo, higienizado e seguro?
  • Evite deixá-lo sozinho por muito tempo a não ser que seja extremamente necessário?
  • Quando percebo algo estranho consulto o médico-veterinário e mesmo sem nenhuma suspeita eu mantenho o check-up dele em dia?

Depois desse check-list você verá nitidamente se tem sido um tutor exemplar ou se tem negligenciado. Lembre-se, eles dependem de nós.

Como é feito o check-up veterinário?

O check-up é uma consulta ampla que avalia seu pet por completo com ajuda de exames físicos, laboratoriais e anamnese. O resultado dessa avaliação vai indicar a condição do seu peludo de forma ampla.

Anamnese – investigação sobre hábitos alimentares, comportamentais, frequência do cio. Atividades físicas, contato com outros animais e demais detalhes sobre o dia a dia do seu pet devem ser informados ao médico-veterinário.

Exames físicos – essa avaliação é feita através do toque para sentir a pele do animal, se apresenta feridas, manchas, dermatites e perda de pelos. Avalia-se também a presença de parasitas como pulgas ou carrapatos. Ouvidos, boca, dentes, batimentos cardíacos e respiração também são aferidos.

Exames laboratoriais e cardiológicos – esses exames são solicitados apenas se houver necessidade ou suspeita de alguma enfermidade. Nesse caso pode haver a necessidade de exame de urina, fezes, hemograma, eco e eletrocardiograma, funções renais e do fígado.

Com qual frequência devo levar meu pet para fazer check-up?

Animais de até 4 meses devem ser consultados mensalmente para acompanhar o desenvolvimento, a pesagem, o crescimento e a vacinação. Nesse período os cães serão vacinados contra raiva, parvovirose, cinomose entre outras.

Os gatos realizarão testes de leucemia e imunodeficiência felina. Será iniciada a vermifugação que deve ser mantida periodicamente assim como a prevenção contra pulgas e carrapatos.

A partir de 1 ano o ideal é manter as consultas anualmente com check-up completo nessas ocasiões. Cães e gatos envelhecem mais rápido que os seres humanos, então as alterações fisiológicas que ocorrem em 12 meses são muito representativas para eles.

Os check-ups servem para acompanhar essas alterações e também manter a vacinação e a vermifugação em dia.

Para animais acima de 7 anos, que são considerados idosos, o processo degenerativo evolui então o espaço de tempo entre as consultas deve diminuir, sendo recomendado a cada seis meses uma visita ao veterinário para acompanhamento.

Quais doenças podem ser evitadas através do check-up veterinário?

A ideia de manter o check-up em dia é exatamente detectar alterações físicas ou comportamentais que possam indicar o surgimento de alguma enfermidade e também a correção de problemas para que os mesmos não venham a se tornar uma doença em potencial. De acordo com a recomendação do profissional pode ser solicitado a mudança da dieta e de alguns hábitos que podem evitar:

  • Doenças cardíacas e hipertensão
  • Doenças renais
  • Vermes
  • Câncer
  • Doenças de pele
  • Surdez ou cegueira
  • Perda da pelagem
  • Doenças bucais e odontológicas
  • Infecção urinária
  • Obesidade

Em animais considerados idosos normalmente é solicitado exame Raio-X e ultrassonografia para identificar problemas ósseos ou nos órgãos.
Importante lembrar que o check-up é a melhor forma de detectar o surgimento de um câncer, uma doença que se tratada na fase inicial terá grandes chances de cura e de resposta positiva ao tratamento.

Em animais considerados idosos normalmente é solicitado exame Raio-X e ultrassonografia para identificar problemas ósseos ou nos órgãos.
Importante lembrar que o check-up é a melhor forma de detectar o surgimento de um câncer, uma doença que se tratada na fase inicial terá grandes chances de cura e de resposta positiva ao tratamento.

Fontes: Digital Vet, Seres Vet e Labtest

Leave a comment